Connect with us

Lazer & Cultura

Teatro Experimental de Cascais recebe espetáculos em mostra de teatro e talento jovem

Publicado há

em

Imagem de Pixabay: igorovsyannykov

Já arrancou a 6.ª edição da mostra_T, uma iniciativa do Teatro Experimental de Cascais que existe desde 2016, tendo surgido em resposta aos inúmeros pedidos de acolhimento que chegavam à companhia, ao longo do ano.

Pela primeira vez, esta mostra de talento jovem recebe um espectáculo de dança, e uma produção além-fronteiras, internacionalizando o evento. No total, o Teatro Municipal Mirita Casimiro cede o palco até ao dia 2 de outubro, a 8 espectáculos de 7 grupos diferentes, entusiasmados por poderem partilhar o seu trabalho.

“Um Setembro com uma programação cultural muito completa, para todos os gostos e idades” é a proposta do Teatro Experimental de Cascais para este regresso pós-férias, conforme explica Fernando Alvarez, responsável de Programação, Cenografia e Figurinos do Teatro Experimental de Cascais.

“Esta iniciativa, que já é praticamente uma tradição nossa, e que começou por proporcionar esta oportunidade a grupos oriundos da Escola Profissional de Teatro de Cascais, tem este ano como uma das suas novidades a abertura de portas a grupos oriundos de outras Escolas. É muito gratificante podermos acompanhar os seus primeiros passos profissionais, em muitos dos casos, bem como o crescimento de alguns destes grupos que recebemos num espírito do TEC de apoio a quem começa e precisa de um palco para se mostrar!”, completa.

Leandro Paulin, Companhia Cepa Torta, Play Company, Elephant in the room, SE Theatre Company, João Lara e Ileimn Ceciliano, e Embuscada Associação Cultural são os nomes dos responsáveis e/ou participantes seleccionados, depois de uma fase de candidaturas rigorosa efectuada no primeiro trimestre do ano, com a apresentação dos seus projectos à 6.ª edição da mostra_T. Os bilhetes e reservas são geridos pelos mesmos.

Consulta a programação desta iniciativa:

  • Esta noite grita-se Cinderela, de Lígia Soares 14 SET|21h
  • Boa noite, mãe, de Marsha Norman – 14 e 15 SET|21h
  • Narke, de João Pires – 17 e 18 SET|21h
  • O que resta é o Amor – 21 e 22 SET|21h
  • I, Banquo, de Tim Crouch – 24 e 25 SET|21h
  • Vívido, de João Lara e Ileimn Ceciliano – 28 e 29 SET|21h
  • Um protesto ou o Amor que nos faltou – 1 e 2 OUT|21h

Publicidade
Clica para comentar

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Publicidade

Artigos recentes

Publicidade

Noticias

Publicidade