Connect with us

Ciência & Tecnologia

Sabias que os polvos dão murros a peixes?

Márcia G. Rodrigues

Publicado há

em

Imagem: Divulgação

É verdade, os polvos dão mesmo murros a peixes. O ato foi relatado por um grupo de investigadores do Laboratório Marítimo da Guia do Centro de Ciências do Mar e do Ambiente (MARE), polo da Ciências ULisboa e do Max Planck Institute of Animal Behavior.

Estes “murros” são explicados no artigo Octopuses punch fishes during collaborative interspecific hunting events assinado por Eduardo Sampaio, Martim Seco, Rui Rosa e Simon Gingins.

“Ao peixe atingido é-lhe retirada uma oportunidade de presa, e pode ser enviado para zonas mais periféricas do grupo, ou mesmo ser expulso do grupo de caça. Este comportamento é totalmente novo, e ecologicamente, de acordo com a teoria de jogos, é um mecanismo de controlo do parceiro, em que numa das possibilidades o polvo poderá incorrer em custos próprios com o fim de impor custos maiores a um parceiro não cooperante”, explica Eduardo Sampaio, estudante de doutoramento em Biologia, citado num comunicado.

Este trabalho surgiu durante um trabalho de campo sobre as interações entre polvos e peixes em caça cooperativa realizado no âmbito de um projeto financiado pela National Geographic e pela PADI. “Durante este trabalho testemunhámos várias vezes algo inesperado, que era o polvo afastar violentamente um dos parceiros de caça utilizando um movimento rápido de um braço. A este comportamento chamamos-lhe ‘soco’ ou ‘murro’”, conta.

Publicidade
Clica para comentar

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *