Connect with us

A tua Revista

Cuidados a ter com o sol

Publicado há

em

Adobe Stock

Verão significa, na maioria das vezes, férias, praia, mar, calor, bronze, entre tantos outros sinónimos agradáveis! Mas para tudo há que ter cuidado, quando o tema é exposição solar. A Mais Educativa falou com a Tatiana Prata que deixa alguns conselhos que te ajudarão a proteger da exposição solar sem que acabes como uma lagosta!

O sol é fundamental à vida e, em doses moderadas, traz inúmeros benefícios para a saúde e bem-estar, nomeadamente a melhoria do humor e qualidade do sono. Contudo, não é novidade para ti, quando a exposição solar é excessiva, torna-se prejudicial para a saúde, aumentando os riscos de problemas de pele e podendo até provocar queimaduras solares e o envelhecimento acelerado da pele. De forma a aproveitar os benefícios do sol, sem correr riscos desnecessários para a saúde, é fundamental conhecer e respeitar algumas regras.

Deves evitar a exposição direta ao sol nas horas de maior intensidade da radiação solar, sobretudo entre as 12h00 e as 16h00, por isso deves estar na praia até às 11h00 e depois das 17h00. Sabemos que parece um pouco inútil ir nestas horas porque apenas aproveitas parte do dia, mas pelo menos nos primeiros dias, em que o teu corpo ainda não está “habituado”, seria uma mais valia.

Deves procurar zonas com sombra ou então levares guarda-sol. Mas, não penses que será a tua salvação, porque os chapéus de sol não fi ltram toda a radiação ultravioleta, nem impedem a exposição à radiação refletida pelas superfícies.

Usa roupa leve e protetora. É importante que te vistas de forma confortável e com roupas claras, frescas e leves, isto para que a roupa não absorva tanta luz, o que faz com que o corpo aqueça mais rapidamente.

Usa sempre chapéu. É um dos acessórios obrigatórios na praia, dessa forma, proteges a cabeça, cara e orelhas.

Não te esqueças dos óculos de sol! Os olhos são órgãos muito sensíveis que também recebem a radiação do sol, por isso, deves ter um cuidado redobrado.

Bebe muita água. O que acontece à água quando está muito calor? Evapora. O mesmo acontece com o nosso corpo, quando está ao sol, também necessita de estar sempre hidratado. Não te esqueças de beber muita água sempre que possível! Aproveita e come fruta que contenha muita água.

O nosso corpo é 70% composto por água. É essencial que a ingiras para manter o bom funcionamento do organismo e uma boa solução é comer fruta. Tens algumas frutas que podes e deves comer e são ricas em água como:

• Melancia;

• Morangos;

• Meloa;

• Melão;

• Pêssego;

• Papaia;

• Ananás;

• Ameixa;

• Laranja;

• Usa protetor solar. Esta é uma regra básica, o protetor solar como o próprio nome indica vai proteger-te contra os raios solares. Não existe uma quantidade certa que deves aplicar, porém o aconselhável é que consigas pôr uma camada que cubra a pele. No início é importante que utilizes um protetor com um fator de proteção mais elevado e é importante que repliques o protetor solar a cada duas horas, quando estiveres a transpirar ou fores dar um mergulho, volta a pôr de novo, porque a maioria acaba por sair.

Não adormeças ao sol, porque podes ficar diretamente exposto ao sol e, quando acordares, notas que o teu corpo está queimado, e isso não é aconselhável.

• Mesmo nos dias em que o sol está encoberto, mas continua a estar muito calor e vem acompanhado de vento, deves ter cuidado porque o vento quente também queima a pele, deixando por vezes queimaduras mais graves que o próprio sol.

Depois de um dia de praia

Depois de um dia de praia, é comum sentires a pele do rosto e do corpo aquecida, vermelha e com uma sensação de calor, por mais que o protetor solar tenha sido aplicado adequadamente e tantas outras dicas que possas ter utilizado. Isto acontece, porque os raios solares tendem a ressequir a pele, e para acalmá-la não basta passares um creme hidratante. Existem outros hábitos simples e práticos para atenuar os sintomas do sol e que podes utilizar na tua rotina de verão.

Toma um banho de água fria. Talvez sejas daqueles que, seja verão ou inverno, a água na hora de tomar banho tem que estar sempre quente. Mas se tiveres um escaldão a temperatura alta da água pode causar desconforto na pele queimada do sol, enquanto a água fria impede a pele de ressequir e alivia a sensação de calor depois da exposição solar. Podes ainda, depois do banho, passar compressas de água fria pelo corpo que acabam por também aliviar a sensação de queimadura solar.

Evita esfoliar o corpo durante o banho. É importante que nos cuidados pós-praia evites usar uma esponja, mas sim, opta por um sabonete hidratante, tanto para o rosto como para o resto do corpo, pois irá suavizar a pele. O mesmo acontece com os esfoliantes ou máscaras faciais, devido aos componentes do produto e o estado da pele estar mais sensível, pode criar irritações ou infl amações. Dica: deixar a pele repousar e só depois voltar à rotina habitual.

Aplica creme hidratante depois do banho. Depois de um banho frio, aproveita e aplica um creme hidratante corporal e facial. No momento em que a pele se encontra húmida, vai absorver o hidratante mais rapidamente. Os cremes hidratantes são uma grande ajuda para evitar que a pele escame ou fi que manchada.

Continuar a usar protetor solar. O protetor solar não deve ser deixado de parte nos dias seguintes à exposição solar, mesmo que a intenção não seja apanhar sol. O protetor vai manter a pele protegida dos raios solares, seja numa simples saída de casa ou até mesmo em ambientes com luz artificial.

Está na hora de aproveitares a praia e as férias sem escaldões! Boas Férias!

Publicidade
Clica para comentar

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Publicidade

Artigos recentes

Publicidade

Noticias

Publicidade