Connect with us

Educação

EFTA inova Curso de Técnico de Turismo

Publicado há

em

Imagem: EFTA

EFTA A FAZER DIFERENTE:

CURSO DE TÉCNICO DE TURISMO AGORA COM COMPONENTE NÁUTICA

Experiência pioneira levada a cabo pela EFTA – Escola de Formação Profissional em Turismo de Aveiro apresenta-se como um mar de oportunidades para os jovens desta Escola.

Quatro alunos do curso de Técnico de Informação e Animação Turística da EFTA encontram-se a frequentar o Curso de Marinheiro de 2ª de Tráfego Local, em parceria com o FOR-MAR – Centro de Formação Profissional das Pescas e do Mar, em Ílhavo, e com a Associação LAGUNA de Aveiro.

Esta experiência piloto irá valorizar a formação dos jovens estudantes da EFTA.

 

 

Já a partir do próximo ano letivo, a componente Marítimo-Turística fará parte do percurso formativo do Curso de Técnico de Turismo. Os alunos dos restantes Cursos (Curso de Técnico de Cozinha/Pastelaria, Curso de Técnico de Pastelaria/Padaria e Curso de Técnico de Restaurante/Bar) terão a oportunidade de obter esta formação complementar certificada, desde que pretendam ingressar na carreira.

No sentido de enriquecer esta componente formativa, a EFTA irá estabelecer protocolos de parcerias com as seguintes entidades: Fundação Francisco Manuel dos Santos, FOR-MAR – Centro de Formação Profissional das Pescas e do Mar, Associação de Moliceiros-Laguna, Desafios, UA-Universidade de Aveiro, CMA-Câmara Municipal de Aveiro.

No âmbito da formação realizada pelo FOR-MAR – Centro de Formação Profissional das Pescas e do Mar, para profissões regulamentadas, o Centro dispõe de oferta formativa no âmbito da Pesca, Comércio e Tráfego Local. Para os candidatos que pretendam ingressar na atividade marítima e operar em embarcações de tráfego local, incluindo a Marítimo-Turística, estes terão que realizar o curso de Marinheiro de 2ª de Tráfego local.

O Curso de Marinheiro de 2ª de Tráfego Local permite a inscrição marítima na categoria de marinheiro de tráfego Local e, para além dos módulos relacionados com a atividade  (natação, remo, marinharia, operações de carga e descarga e operações de manobra em embarcações de tráfego local),  integra ainda a Convenção STCW (International Convention on Standards of Training, Certification and Watchkeeping for Seafarers), nomeadamente a formação em Segurança Básica, obrigatória  para todos os marítimos de navios de  passageiros.

Estes quatro alunos pioneiros, entretanto, iniciaram o Estágio em duas empresas associadas da LAGUNA, nomeadamente, “Incrível Odisseia” e “Viva a Ria”, que operam na cidade de Aveiro com o típico Moliceiro, permitindo assim uma formação em contexto real de trabalho, desenvolvendo competências relacionadas com a condução de embarcações registadas como embarcações locais e funções inerentes ao serviço de convés.

Publicidade
Clica para comentar

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Publicidade

Artigos recentes

Publicidade

Noticias

Publicidade