Connect with us

Em destaque

Novo confinamento? Escolas deverão continuar abertas

Mais Educativa

Publicado há

em

Imagem: Pixabay

O primeiro-ministro, António Costa, anunciou na quinta-feira a possibilidade de um novo confinamento nacional. Mas há uma exceção: as escolas.

Para já, o atual estado de emergência, em vigor desde dia 8 até dia 15 de janeiro, impõe o recolher obrigatório a partir das 13 horas de sábado e domingo e a circulação entre concelhos com mais de 240 casos por 100 mil habitantes no acumulado dos últimos 14 dias, ou seja, em praticamente todo o Portugal continental (há apenas 25 concelhos que escapam).

Estas medidas podem vir a tornar-se ainda mais restritivas, visto que António Costa afirmou que irá haver uma reunião entre todos os partidos políticos e especialistas de saúde amanhã, dia 12 de janeiro, para se tomar uma decisão mais concreta. No entanto, o fecho de escolas estará fora de questão.

“O cenário que podemos ter como provável é voltarmos a um conjunto de medidas tipo aquelas que adotámos em março”, indicou.

Tendo em conta esta situação, acredita-se que um possível confinamento geral irá depender muito da evolução do número de casos até à reunião. Recorda-te que, nos últimos dias, o país tem registado máximos diários de casos do novo coronavírus, bem como vítimas mortais.

 

Publicidade
Clica para comentar

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *