Connect with us

A tua Revista

Os amuletos da sorte de Vitor Kley

Hugo Casaca

Publicado há

em

Imagem: Rodolfo Magalhães

Em entrevista exclusiva à Mais Educativa, Vitor Kley, capa da revista de outubro, falou do seus “rituais” antes de entrar em palco e dos amuletos da sorte!

Hoje em dia ainda ficas nervoso antes de entrar em palco? Tens algum amuleto da sorte?

Eu fico sempre nervoso antes de entrar no palco. Acho que quando voltarmos desta pandemia, vai ser incrível, porque estamos há alguns meses sem tocar para o público. Até nas lives que fiz eu ficava nervoso. Fico sempre. Se não sentir uma sensação assim, é porque algo está errado. Tem de se ter sentimento nervoso e ficar a pensar no que se vai fazer, como é que vai ser, que não se pode errar ali, etc. Eu fico sempre a pensar. E tenho um amuleto, um objeto da sorte, tenho o meu colar que é com uma pedra rocha, em homenagem A Bolha. Está sempre presente, os meus anéis com pedras rochas também, são a minha fonte de poder (risos)! Eu brinco ao dizer que os cristais nos anéis e no colar são a minha fonte de poder! Nós fazemos algo sempre antes dos concertos, reunimos a equipa toda em roda, rezamos e conversamos para passar boa energia… Todos abraçados, todos com os pés juntos, para que a energia fique canalizada entre nós e para entrarmos e darmos o nosso melhor para o público, e saírem lá melhores de que quando chegaram.

Podes ler a entrevista completa aqui.

Publicidade
Clica para comentar

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *