Connect with us

Em destaque

Apesar do receio dos pais, os professores não vão compensar aulas dos alunos que faltem sem atestado

Joana Fonseca

Publicado há

em

Pixabay

As aulas presenciais retomam em Portugal dia 18 de maio para os alunos do 11.º e 12.º ano, e desde que o governo tomou esta decisão foram muitos os pais que ficaram receosos e manifestaram indecisão sobre deixar os filhos irem ou não à escola.

Os alunos têm justificação caso não apareçam às aulas, e o receio dos pais em que os filhos fiquem infetados com o COVID-19 é enorme, mas segundo as orientações dadas ao Ministério da Educação ao jornal DN “a escola não tem obrigação de continuar a garantir o ensino à distância a quem se ausentar”.

Contudo, os alunos de grupos de risco têm como alternativa continuar o ensino a partir de casa, desde que apresentem um atestado médico.

Publicidade
Clica para comentar

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Artigos recentes

Publicidade

Noticias

Publicidade