Visite-nos em

Entrevista

Domi: “Quero orgulhar os meus, fazer a diferença ou motivar algo”

Sofia Rebanda

Publicado há

em

O hip hop corre nas veias de Domi e nada mais o faz vibrar como a música.

Os seus vídeos contam já com milhões de visualizações no YouTube e têm sempre estado no top das tendências desta rede social.

O rapper algarvio é naturalmente uma pessoa calma, mas quando absorve a música no corpo não há ninguém que o pare! Quanto ao seu futuro, não há dúvidas: Domi veio para marcar o panorama do hip hop nacional.

 

Como descreves o hip hop português atual?

Está em todo o lado. Há sempre mais para fazer, mas creio que o hoje o hip hop ganhou definitivamente um espaço na música portuguesa. Vai definitivamente marcar uma geração.

 

Quais são os rappers que consideras terem marcado o hip hop português?

Sam The Kid, Valete e Regula.

 

Demonstras ser uma pessoa muito calma, mas em palco parece que te transformas. Sentes que a música te faz vibrar e causa essa transformação de comportamento em ti?

Sem dúvida. O palco é a minha profissão, as pessoas estão ali para que eu lhes possa proporcionar o melhor momento do meu trabalho. Tenho de, obrigatoriamente, ter essa energia e ser essa pessoa porque obviamente também gosto que valorizem isso.

 

O ano de 2018 foi um ano marcante para a tua carreira musical. Como esperas que 2019 seja?

Um ano de reflexão, para reinventar-me e poder fazer ainda melhor. Para me tornar mais maduro.

 

Como foi lançares o teu primeiro EP e atuares num festival pela primeira vez?

Foi algo simbólico, sem dúvida. É o meu primeiro trabalho em estado físico, vai ter sempre um sabor especial. Relativamente ao festival, foi o culminar de um ano de trabalho que se resume a muitas boas imagens e momentos que ficarão para sempre.

 

O que mais gostarias de atingir na tua carreira musical?

Quero orgulhar os meus, fazer a diferença ou motivar algo. Ficar vivo para a eternidade através da música. Essa é a maior vitória.

 

Os teus temas provêm sempre de vivências tuas?

Sempre.

 

As tuas músicas têm estado sempre nas tendências do YouTube. Esperavas este feedback?

Tentei sempre nunca pensar muito nisso. As coisas foram acontecendo e ao longo do tempo fui criando algumas metas naturalmente, mas felizmente ainda me consigo surpreender.

 

Gato Por Lebre com Charlie Beats foi a última música que lançaste. O que pretendes transmitir com este single?

O single segue a expressão à letra: muitas pessoas têm uma atitude ou aparentam algo sem na verdade terem legitimidade para isso.

 

O que achas que te diferencia de outros músicos de hip hop nacionais?

A minha essência, sem dúvida.

 

Num futuro próximo vamos ter acesso a mais algum projeto teu?

Sem dúvida, tantos quanto a minha vontade quiser.

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *