Visite-nos em

Publirreportagem

Voa na boa. Tem mão no teu drone.

Sofia Rebanda

Publicado há

em

Quando assumes os comandos do teu drone, tornas-te um verdadeiro piloto. Por isso, és responsável por tudo o que possa acontecer durante o voo.

Está nas tuas mãos garantir a segurança de todos em terra e no ar.

Segue as regras e…voa na boa.

 

Código Drone

Todos os drones são aeronaves. Mesmo os que se vendem nas lojas de brinquedos. E, como é natural, todas as aeronaves estão sujeitas a normas legais e a regras de segurança.

Com este Código Drone, ajudamos-te a sobrevoar algumas das regras básicas que deves seguir para garantir um voo seguro e tranquilo. Mas, para conheceres melhor toda a regulamentação sobre drones, deves aterrar no site voanaboa.pt e fazer um bom reconhecimento. Divertires-te também significa voares sempre de forma legal, segura e responsável.
É bom voar, mas não dá para arriscar.

As seguintes indicações informam-te sobre o que deves e não deves fazer para manteres a tua segurança e a dos outros e poderes comandar o teu drone com o devido cuidado.

O que deves fazer:

  • Assegura-te de que o teu drone está em perfeitas condições.
  • Segue as instruções de segurança do fabricante.
  • Mantém contacto visual com o drone ao longo de todo o voo.
  • Voa só com boa visibilidade e boas condições meteorológicas.
  • Se avistares uma aeronave tripulada, desvia-te e dá-lhe prioridade.
  • Respeita a privacidade de todas as pessoas.
  • Mantém uma distância segura de pessoas e bens, de forma a evitar danos causados pelo drone. Se tens uma aeronave brinquedo, a distância mínima é de 30 metros.

O que não deves fazer:

  • Não sobrevoes concentrações de pessoas (mais de 12).
  • Não realizes voos noturnos nem operações além da linha de vista ou voos acima de 120 metros sem autorização da ANAC.
  • Não voes sem autorização da ANAC com drones que pesem mais de 25 kg.
  • Não sobrevoes áreas restritas, proibidas, perigosas, reservadas ou temporariamente reservadas.
  • Não realizes fotografia e filmagem aérea sem contactar previamente a Autoridade Aeronáutica Nacional – Força Aérea (www.aan.pt).
  • Se tens uma aeronave brinquedo, não voes sobre pessoas nem acima dos 30 metros de altura.
  • Não voes acima das alturas definidas nas áreas de proteção operacional dos aeroportos nacionais sem autorização da ANAC.
  • Não sobrevoes zonas de sinistro onde se encontrem a decorrer ações de proteção e socorro sem autorização do Comandante das operações de socorro.

 

 

[Foto. Divulgação]

 

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Trending

PGlmcmFtZSB3aWR0aD0iMTAwJSIgaGVpZ2h0PSIxMDAlIiBzcmM9Imh0dHBzOi8vd3d3LnlvdXR1YmUuY29tL2VtYmVkL3ExY3hNUW90YnZRIiBmcmFtZWJvcmRlcj0iMCIgYWxsb3dmdWxsc2NyZWVuPjwvaWZyYW1lPg==