Visite-nos em

Em destaque

O ADN da tua Escola: Escola Básica e Secundária D.Martinho Vaz de Castelo Branco

Avatar

Publicado há

em

Esta é a pergunta-chave: O que torna uma escola diferente?

Serão as instalações? Os professores? Os projetos? A metodologia adotada nas aulas? Os alunos?
A Mais Educativa sabe que é um pouco de tudo isto – e ainda mais algum fator x.

No ADN desta edição, falamos com o Diretor e Subdiretora da Escola Básica e Secundária D.Martinho Vaz de Castelo Branco, (na Póvoa de Santa Iria).

 Em termos de projetos e atividades extracurriculares, o que existe na vossa escola?

Existe um Clube de Música, um de Culinária, um de Línguas, um de Rádio… O Clube de Ciência tem muitas experiências diferentes daquelas que acontecem nas aulas dessa disciplina – para que seja como um complemento – e contamos também com um Projeto de Robótica.
Temos o projeto da Horta, no qual os alunos têm um espaço, aqui na escola, dedicado a um terreno – que eles próprios cultivam, com a ajuda de um professor coordenador. Há um pouco de tudo: cebolas,, couves, favas… É importante para que os alunos aprendam como plantar, semear e tratar da terra.
O Projeto de Teatro também tem muita adesão. A Câmara Municipal de Vila Franca de Xira tem uma atividade, que leva a cabo todos os anos, chamada “Os Aprendizes do Fingir”. Todas as escolas do concelho têm um protocolo e são integradas nessa iniciativa. Cada uma deve preparar uma peça, no seu Grupo de Teatro, para apresentar no final do ano, numa mostra conjunta de todas as escolas.
No que diz respeito ao ambiente, temos um projeto sustentável e somos uma escola com bandeira Eco-Escolas.

Os desafios para ser uma boa escola no século XXI, quais são?

Ser uma escola inclusiva, que desenvolva um trabalho cooperativo e colaborativo entre todos. É importante, para nós, mudar o paradigma da educação. Pensar em como as aulas estão estruturadas e em como os alunos aprendem. Acolhemos o Projeto de Autonomia e Flexibilidade Curricular, que nos dá liberdade para gerir – de forma autónoma – o nosso projeto educativo. Isso permite-nos adaptar metodologias e focar-nos na interdisciplinaridade.

O que se espera de um aluno que estude na Escola D.Martinho Vaz de Castelo Branco?

Em primeiro lugar, que seja feliz na escola. A base para o sucesso de cada aluno é ser feliz na instituição onde estuda.
Depois, hoje em dia, além de reunir os conhecimentos correspondentes a cada área curricular que frequentou, um aluno que termine o ensino obrigatório deve ter um conjunto de caraterísticas cívicas que o tornem cada vez mais humanista.
Há pouco tempo, ouvi um aluno dizer, na nossa escola “Eu gosto disto à brava, sou feliz aqui”. É o que mais nos interessa: esta ligação emocional é a base do sucesso.

[Foto: Escola Básica e Secundária D.Martinho Vaz de Castelo Branco]

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Trending

PGlmcmFtZSB3aWR0aD0iMTAwJSIgaGVpZ2h0PSIxMDAlIiBzcmM9Imh0dHBzOi8vd3d3LnlvdXR1YmUuY29tL2VtYmVkL3ExY3hNUW90YnZRIiBmcmFtZWJvcmRlcj0iMCIgYWxsb3dmdWxsc2NyZWVuPjwvaWZyYW1lPg==