Connect with us

Lazer & Cultura

Teatro da Trindade canta em português em outubro

Avatar

Publicado há

em

Teatro da Trindade canta em português em outubro

Há muito para ver na programação no Teatro da Trindade, mas algo de destaque é a aposta na música em português e nos mais recentes trabalhos dos artistas nacionais.

Ontem, o Tiago Bettencourt tocou e encantou todos os presentes no seu concerto de lançamento do álbum “A Procura”. Não estava na programação do Teatro, mas foi o palco escolhido para um concerto intimista, exclusivo para convidados e para quem comprasse o álbum em pré-venda. Surpreendeu todos os presentes, quer pela boa disposição do artista e pelos temas, quer por dois duetos que não estavam programados – um com uma fã que não desistiu e outro com a cantora e amiga presente no público Márcia.

Durante quase duas horas, foram apresentadas as 11 músicas deste novo álbum, e ainda houve tempo (e muita vontade do público) para o cantor continuar a atuar com temas mais antigos. Os quatro músicos em palco acompanharam a guitarra e depois o piano de Tiago Bettencourt em melodias envolventes e histórias sobre a inspiração dos novos temas – como a viagem do artista à China e a “nega” que uma cantora lhe deu. É um álbum, como é descrito, “entre a acústica trovadoresca, a Pop abraçada pelas eletrónicas discretas com teclados vintage mas sempre com a sedução atual”.

Ainda esta semana, a música portuguesa volta ao Teatro. Começa já no dia 8 a iniciativa “Domingos com Música”, que vai levar concertos e recitais de grupos regionais ao Salão Nobre e à Sala Eça de Queiroz. Esta semana, chega a coletividade Ateneu Artístico Vilafranquense e no dia 15, é a vez do Centro Cultural Azambujense. O último concerto só chega a 17 de dezembro, e é da Cultivarte – Projeto Pedagógico Sinfonix.

Dias 13 e 14 de outubro chega um cantor cuja carreira é mais velha do que tu. Vitorino é o interprete de “Menina estás à Janela” e chegou a conhecer o Zeca Afonso em França, quando se autoexilou nesse país. Este concerto faz parte do ciclo “Há Música no Trindade”, que destaca o trabalho focado na voz, piano e guitarra. O Vitorino vai levar dois pianos e, com eles, os pianistas Filipe Raposo e João Paulo Esteves da Silva, para a apresentaçaõ de “O Amor é Cego e Vê”.

Ainda dentro deste ciclo, acontece outro concerto em outubro. Dias 27 e 28 sobe ao palco Frankie Chavez. Cantor que tanto pode atuar a solo como com uma banda, vai levar ao Teatro música nova de um CD com lançamento previsto para este ano mas se fores, ficas já a saber que o cantor vai aproveitar a oportunidade para gravar um DVD do concerto.

[Fonte: Fundação INATEL]
[Foto: Carina Albino]

Publicidade
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *