Visite-nos em

Novidades

Wifi. 22 mil pessoas num sarilho por não ler termos

Publicado há

em

22 mil pessoas concordaram em fazer, cada uma, mil horas de serviço comunitário ao aceitarem os termos de utilização de wifi público.

De todas as pessoas que foram alvo da partida do fornecedor de wifi público Purple, apenas uma deu conta de uma cláusula suspeita nos termos de utilização. A empresa utilizou a partida como forma de sensibilizar as pessoas para a nova legislação do Reino Unido na qual é necessário “consentimento inequívoco” nos termos de utilização.

“Os utilizadores do wifi precisam de ler os termos quando se inscrevem para aceder a uma rede. A nossa experiência mostrou o quão fácil é concordarmos com algo sem nos apercebermos”, afirma o CEO da Purple, Gavin Wheeldon.

A nova lei vai ser implementada para o ano, mas por agora, parece que ninguém vai ser obrigado a seguir a cláusula da Purple.

[Fonte: Jornal Económico]

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Trending

PGlmcmFtZSB3aWR0aD0iMTAwJSIgaGVpZ2h0PSIxMDAlIiBzcmM9Imh0dHBzOi8vd3d3LnlvdXR1YmUuY29tL2VtYmVkL3ExY3hNUW90YnZRIiBmcmFtZWJvcmRlcj0iMCIgYWxsb3dmdWxsc2NyZWVuPjwvaWZyYW1lPg==