Connect with us

Guia de Acesso ao Ensino Superior 2017

A prática faz a perfeição

Publicado há

em

A Daniela estuda Enfermagem Veterinária, a Jéssica Biotecnologia Alimentar e a Patrícia Nutrição Humana e Qualidade Alimentar, mas todas elas defendem o mesmo: O Ensino Superior traz consigo mais responsabilidade, e é preciso aproveitar os ensinamentos e a componente prática que esta nova fase proporciona, para alcançar o sucesso profissional.

Nome: Daniela Vaz
Universidade/Faculdade: Escola Superior Agrária de Castelo Branco
Curso/Ano: 3º ano da Licenciatura em Enfermagem Veterinária
Objetivo Profissional: Trabalhar em investigação na área do comportamento animal



Porque é que escolheste esta área de formação?

Desde sempre que tenho gosto por animais, e vem daí o meu interesse em aprofundar os meus conhecimentos nessa área. Para além disso, gostava de poder contribuir para o seu bem-estar e preservação.

O que destacas no teu curso?
Algumas cadeiras e sobretudo as aulas práticas. Devíamos ter ainda mais! Para além disso, as saídas profissionais, porque os enfermeiros veterinários são cada vez mais polivalentes, e sabermos um pouco de tudo no auxílio que prestamos aos animais torna-se uma mais-valia para os centros veterinários que nos contratam, e muitas vezes acaba mesmo por ser indispensável.

Nome: Jéssica Nunes
Universidade/Faculdade: Escola Superior Agrária de Castelo Branco
Curso/Ano: 1º ano da Licenciatura em Biotecnologia Alimentar
Objetivo Profissional: Colocar em prática os meus conhecimentos e desenvolver-me como profissional

Quando escolheste o curso, olhaste para o fator emprego? O que esperas que ele te proporcione na altura de entrar para o mercado de trabalho?
Sim, quando escolhi o curso olhei para o fator emprego. Espero que a minha opção me proporcione estabilidade e que o meu emprego me permita dar o melhor de mim.


O que muda do Ensino Secundário para o Ensino Superior?
O Ensino Superior é mais exigente, proporciona maior liberdade mas também maior responsabilidade e aulas mais longas.


O que precisaste de fazer para te adaptares ao mundo universitário? Em que é que sentes que mudaste?
No geral, não senti grande necessidade de me adaptar ao mundo universitário. Provavelmente, as maiores mudanças terão sido passar a viver com colegas novos com diferentes personalidades, e o facto de estar longe de casa.
Senti que melhorei a nível de responsabilidade e de organização, principalmente.

Nome: Patrícia Pestana
Universidade/Faculdade: Escola Superior Agrária de Castelo Branco
Curso/Ano: 2º ano da Licenciatura de Nutrição Humana e Qualidade Alimentar
Objetivo Profissional: Atuar na área da segurança e qualidade alimentar

Que qualidades e competências consideras essenciais para ter sucesso no Ensino Superior?
O termo sucesso pode significar coisas diferentes de pessoa para pessoa. Para mim, significa terminar a licenciatura com o melhor aproveitamento possível, ou seja, dar o melhor de mim, aprender tudo o que puder e conseguir obter as melhores notas possíveis.
Para isso, é muito importante ser trabalhador, humilde e persistente, e ter vontade de aprender. Nem sempre as cadeiras são fáceis, e é normal que por vezes tenhamos dificuldades em compreender e interpretar certas matérias, e até ficarmos desanimados com isso. Mas tenho a certeza que se fizermos tudo o que referi, e aproveitarmos a ajuda dos docentes, todas essas dificuldades serão superadas, e no final do semestre o esforço será recompensado.

Na tua opinião, porque devem os jovens escolher esta área de formação?
Compreender o que se come e o que o nosso corpo precisa é uma preocupação cada vez maior na sociedade. Este curso permite fazer a ligação entre a nutrição, a qualidade e a segurança alimentar, e desta forma ajuda-nos a compreender o percurso que os alimentos fazem desde o campo até à mesa, dando-nos ao mesmo tempo algumas noções sobre a área da nutrição.

Publicidade
Clica para comentar

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado.

Publicidade

Publicidade

Artigos recentes

Publicidade

Noticias

Publicidade